Há 61,2 milhões de pessoas inadimplentes no País

O número de consumidores inadimplentes no país atingiu a marca dos 61,2 milhões de pessoas, número recorde desde março de 2016, início da série histórica monitorada pelo Serasa Experian.

O indicador teve alta de 1,9% em relação ao mesmo período do ano passado e subiu 0,4% em relação ao mês anterior.

“A alta no desemprego no primeiro trimestre influenciou o dado. Além disso, esperávamos um aumento no endividamento no início do ano, porque é a época que concentra dívidas, como IPVA e IPTU”, diz Luiz Rabi, economista do birô.

“O patamar segue próximo dos 61 milhões, o que é alto. Com o final desse período de sazonalidade das dívidas, deverá se estabilizar.”

Fatores como a inflação baixa e a perspectiva de queda na taxa básica de juros podem fazer o endividamento oscilar negativamente.

“Não devemos esperar, porém, redução realmente significativa no futuro próximo. Isso só deverá vir com a geração de empregos.”

Fonte: Folha de S. Paulo