Epson amplia produção nacional

A Epson apresenta novos modelos de projetores laser neste segundo semestre. Entre os lançamentos estão os modelos S39 e S41+, desenvolvidos para o uso em escolas, escritórios e empresas, que permitem conectar diversos dispositivos, como notebooks, tablets e celulares, via cabo ou Wireless (adaptador vendido separadamente).

“A Epson se preocupa em desenvolver produtos mais acessíveis e que, ao mesmo tempo, ofereçam tanta qualidade quanto equipamentos mais robustos. O S39 e o S41+ são projetores que integram as linhas voltadas para este objetivo e ampliam o portfólio da empresa”, comenta Esther Hamoui, gerente de produto da Epson Brasil.

Já na linha de projetores profissionais a Epson apresenta novos modelos para ampliar o portfólio de projetores laser da marca. Voltados principalmente para ambientes educacionais e corporativos mais iluminados, os modelos L400U, L500W, L510U, L610, L610W e L615U são compactos e oferecem de 4.500 a 6.000 lumens. A inovadora fonte de luz laser tem durabilidade de até 20.000 horas e não requer praticamente nenhuma manutenção, diz a empresa. “Os modelos da linha profissional são mais compactos e com ótimo custo-benefício. Isso possibilita que empresas de diversos segmentos tenham acesso à tecnologia laser da marca”, explica Gabriel Gonçalves, gerente de negócios da Epson Brasil.

Além dos lançamentos, a Epson também anunciou que está aumentando o volume de produção no Brasil com os modelos X39, X41+ e W39 e as novidades S39 e S41+. “Este é um passo muito importante da empresa. A fabricação destes projetores no País traz diversas vantagens, como a diminuição de custo por item, compra pelo cartão BNDES e mais rapidez no prazo de entrega e distribuição”, explica Esther.

Fonte: Grupo CDI Comunicação e Marketing