Demanda fraca faz preço da mandioca cair

A demanda industrial por mandioca, que já tem sido baixa nas farinheiras, deu sinais de recuo também na indústria de fécula, principalmente pelas firmas que dispõem de produto em estoque. Além disso, segundo pesquisadores do Cepea, a liquidez segue lenta.

Assim, entre 1º e 5 de outubro, o valor médio nominal a prazo para a tonelada de mandioca posta fecularia foi de R$ 461,60 (R$ 0,8028 por grama de amido na balança hidrostática de 5 kg), avanço de apenas 0,4% frente à média da semana anterior. A expectativa para as próximas semanas é que a quantidade ofertada não aumente expressivamente, uma vez que produtores devem continuar priorizando o plantio.

Fonte: Cepea