As farmácias no universo da tecnologia

Diferentes tecnologias são lançadas para ajudar o consumidor a achar os melhores preços, descartar corretamente medicamentos, encontrar a farmácia mais perto e até facilitar o delivery. O diretor de produtos da WebFarmas comenta que, atualmente, o mercado on-line de farmácias é liderado por três grandes farmácias digitais, que compartilham uma economia de mais de R$ 4 bilhões anuais. O cliente recebe, normalmente, o medicamento em três dias úteis e paga um valor de frete.

Além disso, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) só permite a venda de medicamentos e perfumaria no site da rede de farmácias (descartando qualquer marketplace ou site agregador).

“A WebFarmas detecta a localização do usuário, calcula qual a loja mais próxima dele e mostra o preço do produto exatamente como é vendido naquela loja em tempo real. O comprador monta o seu carrinho e o pedido é enviado para a loja mais perto, que receberá a solicitação e entregará ao comprador como um pedido por telefone, em minutos, sem frete e sem necessidade do balconista analisar manualmente cada preço de produto”, revela o executivo.

Um dos maiores problemas das farmácias e dos consumidores é a ruptura de estoque. Ao não encontrar um produto, o cliente, além de perder seu tempo, acaba deixando de ir a determinada loja. Pensando nisso, a GoPharma reúne o estoque de itens de mais de 30 mil farmácias e permite que o usuário pesquise o produto que deseja comprar antes de ir a um estabelecimento.

Assim como muitos se preocupam com o acesso à saúde, o mesmo acontece na entrega de medicamentos.
Segundo a InterPlayers (criadora do aplicativo), foram adotados dois modelos. No primeiro, os dados de abastecimento dos pontos de venda (PDVs) foram integrados ao marketplace da empresa e, por meio de um algoritmo, é possível identificar o tempo que a farmácia normalmente tem o produto em estoque até realizar um novo abastecimento. No segundo modelo, a farmácia informa periodicamente os produtos disponíveis em seu estoque. Atualmente, 18 redes informam a disponibilidade de estoque.

Assim como muitos se preocupam com o acesso à saúde, o mesmo acontece na entrega de medicamentos. A plataforma da Farmácia do Bem representa uma solução para a gestão inteligente do uso e distribuição de medicamentos. A empresa coleta sobras de medicamentos que a população tem em casa, dentro do prazo de validade, assim como doações de médicos e da indústria.

Os usuários acessam nossa plataforma, realizam um cadastro e pesquisam pelo medicamento desejado. Caso esteja disponível, só é necessário solicitá-lo gratuitamente. Para isso, é obrigatória a apresentação da receita médica ou odontológica. Além disso, a companhia descarta corretamente os medicamentos vencidos.

Pequenas, mas com potencial gigante para crescer, as startups estão modificando todo o setor de saúde. Não se pode ficar de fora, é preciso começar a olhar para as novas empresas;

Fonte: Guia das Farmácias